• A A A

Eventos adversos que afectam o sangue

Alguns tratamentos para a

Ver Leucemia mielóide crónica.

LMC
, sobretudo quando estão a ser iniciados, criam alterações nas células sanguíneas que podem causar eventos adversos. A evidência de eventos adversos hematológicos (ou seja, eventos adversos que afectam o seu sangue) pode surgir num

Uma análise ao sangue utilizada para contar o número de glóbulos brancos e vermelhos, plaquetas e outros componentes sanguíneos. Um hemograma completo também é chamado CBC.

hemograma completo
(

Ver hemograma completo.

CBC
) de rotina. Também há certos sinais e sintomas que poderá notar. É importante que fale com o seu hematologista ou oncologista, porque há tratamentos para os eventos adversos hematológicos que podem ajudar a aliviá-los.
Lembre-se: Os sinais e sintomas de eventos adversos também podem dever-se a outras causas. Portanto, é muito importante que o seu

Um médico que se especializa nas doenças do sangue, incluindo os cancros do sangue, como por exemplo a leucemia.

hematologista
ou

Um médico que se especializa no tratamento do cancro.

oncologista
compreendam aquilo por que está a passar. Certifique-se de que conversa sobre todos os sinais e sintomas que apresenta!

A seguir encontra três reacções hematológicas frequentes que podem causar desconforto físico e emocional:

  • A anemia é um nível anormalmente baixo de glóbulos vermelhos. Deve informar o seu hematologista se apresentar quaisquer sinais ou sintomas de anemia, como por exemplo: 

    • Fadiga (cansaço)
    • Fraqueza muscular
    • Batimentos cardíacos rápidos ou irregulares e dor torácica ocasional
    • Dificuldade em respirar ou falta de ar
    • Tonturas ou desmaios
    • Palidez (pele ou lábios pálidos)
    • Dores de cabeça
    • Dificuldade de concentração
    • Insónia (dificuldade em adormecer)
    • Sensação de ter frio
    • Problemas de sangramento
  • A neutropenia é um nível anormalmente baixo de certos glóbulos brancos, chamados neutrófilos. Estas são as células que ajudam o organismo a combater as infecções. A neutropenia, em si mesma, não apresenta sinais. No entanto, podem surgir infecções quando ocorre neutropenia. Os sintomas e sinais de infecção encontram-se descritos a seguir. É importante estar atento aos sinais e sintomas de infecção. Não vai querer deixar o seu organismo vulnerável à febre e à infecção. Informe o seu hematologista ou oncologista se apresentar qualquer dos sinais ou sintomas de infecção:

    • Febre (temperatura de 38°C ou mais)
    • Calafrios ou suores
    • Garganta inflamada ou aftas na boca
    • Dor abdominal (dor na barriga ou no estômago)
    • Diarreia ou pele inflamada em redor do ânus
    • Dor ou ardor ao urinar, ou urinar frequentemente
    • Tosse ou falta de ar
    • Qualquer vermelhidão, inchaço ou dor, sobretudo em redor de um corte, de uma ferida, ou de um local de introdução de um cateter intravenoso (IV)
    • Corrimento vaginal fora do habitual ou comichão
  • A trombocitopenia é um nível anormalmente baixo de contagens de plaquetas. Deve prestar atenção aos potenciais sinais e sintomas de trombocitopenia. Estes são: 

    • Nódoas negras inesperadas
    • Pequenos pontos roxos ou vermelhos sob a pele, chamados petéquias
    • Sangramento do nariz ou das gengivas
    • Períodos menstruais com maior fluxo que o habitual nas mulheres
    • Fezes negras ou com sangue, ou urina avermelhada ou rosada
    • Sangue no vómito
    • Dores de cabeça intensas
    • Tonturas
    • Dor das articulações ou nos músculos
Informe o seu

Um médico que se especializa nas doenças do sangue, incluindo os cancros do sangue, como por exemplo a leucemia.

hematologista
ou

Um médico que se especializa no tratamento do cancro.

oncologista
se notas qualquer destes sinais ou sintomas. O seu médico poderá querer ajustar a sua dose do tratamento para a

Ver Leucemia mielóide crónica.

LMC
, dar-lhe medicação adicional se a

Quando os níveis de plaquetas são mais baixos do que o normal.

trombocitopenia
for grave, ou tentar excluir outras causas para estes sintomas.

Aviso de Farmacovigilância Este website não foi concebido e não deve ser utilizado para recolher nem prestar informações de segurança relacionadas com os produtos da Bristol-Myers Squibb. Para notificar um acontecimento adverso a um ou mais medicamentos da Bristol-Myers Squibb, por favor utilize um dos seguintes contactos: Telefone: (+351) 21 440 70 88 E-mail: portugal.medinfo@bms.com. A notificação de acontecimentos adversos pode também ser efetuada através do Portal RAM disponibilizado pelo INFARMED, IP.